Pastoreio #30

Por que crescer?

O crescimento da Igreja de Cristo não ocorreu com a intensão de ser mais uma religião cujo números de fiéis pudessem ser mencionados como ostentação entre as religiões, ou para promoção de um líder religioso.
A Igreja de Cristo cresceria como cresceu e tem crescido porque Deus planejou em seu Filho Jesus Cristo o resgate, a salvação da humanidade e foi em busca do homem que estava perdido.
Não se trata de mais uma religião, ainda que também o cristianismo seja assim classificado pelo ser humano, mas trata-se da única forma e meio pelo qual o ser humano pode ser salvo da condenação eterna, Jesus Cristo seu Único Filho. O Senhor planejou tudo cuidadosamente, e o motivo desse plano foi registrado pelo apóstolo João, Deus ama a sua criação.

João 3
16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
17 Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
18 Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

Há alguns anos ouvia a seguinte frase acerca do crescimento da igreja, “Deus não quer quantidade, mas sim qualidade”, particularmente descordo de tal pensamento. A palavra de Deus nos dá firme fundamento para entender que o Senhor quer qualidade e quantidade, para isso precisamos pregar à toda criatura discipulando segundo o exemplo de Jesus para que sejam imitadores do Mestre.
Baseando-se tanto no Antigo Testamento em Ezequiel 18.32, como no Novo Testamento em João 3.17, verifica-se que o prazer de Deus não está em salvar alguns, mas em salvar todos. Para que essa salvação ocorra o ser humano precisa arrepender-se deixando os seus pecados, e no Novo Testamento crendo e confessando a Jesus Cristo como seu Salvador.

Ezequiel 18
30 Portanto, eu vos julgarei, cada um conforme os seus caminhos, ó casa de Israel, diz o Senhor DEUS. Tornai-vos, e convertei-vos de todas as vossas transgressões, e a iniqüidade não vos servirá de tropeço.
31 Lançai de vós todas as vossas transgressões com que transgredistes, e fazei-vos um coração novo e um espírito novo; pois, por que razão morreríeis, ó casa de Israel?
32 Porque não tenho prazer na morte do que morre, diz o Senhor DEUS; convertei-vos, pois, e vivei.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

Nós temos a responsabilidade de anunciar o evangelho de Jesus Cristo por onde passarmos, precisamos ter a mente aberta, livre dos preconceitos e ensinos exclusivistas sobre quem será ou não salvo, isso não compete a nós, Deus quer salvar a todos e o nosso papel é ensinar a palavra de Deus.

1 Timóteo 2.4-7 Ele quer que não somente nós, mas todos, sejam salvos e conheçam a verdade que nós aprendemos: que existe um Deus, apenas um, e um Sacerdote-Mediador entre Deus e nós – Jesus, que se ofereceu em resgate por todos os prisioneiros do pecado para libertá-los. Pouco a pouco, as notícias vão se espalhando, e esta tem sido minha única tarefa: levar essas notícias aos que nunca ouviram nada a respeito de Deus e explicar como a Mensagem opera – pela fé simples e pela verdade singela. (Bíblia utilizada: A Mensagem – Ed. Vida)

A igreja seguia crescendo não somente gerando mais discípulos de Cristo, como também alcançando sacerdotes judeus que recebiam e criam no evangelho de Jesus.
Atos 6.07 A palavra de Deus prosperava. O número dos discípulos em Jerusalém crescia dramaticamente. Além disso, um grande número de sacerdotes passou a seguir a fé. (Bíblia utilizada: A Mensagem – Ed. Vida)

…com o crescimento surgem os desafios

Em Atos seis podemos constatar o crescimento no número dos discípulos, consequentemente da igreja de Cristo, entretanto com o crescimento apareceram demandas que precisaram ser direcionadas, resolvidas para que a igreja pudesse seguir crescendo em harmonia.
Atos 6.01 Nesse meio-tempo, enquanto o número de discípulos crescia bastante, surgiu certo ressentimento entre os crentes de fala grega, os “helenistas”, contra os crentes de fala hebraica, porque as viúvas gregas estavam sendo discriminadas na distribuição diária de comida. (Bíblia utilizada: A Mensagem – Ed. Vida)

Parece um tanto quanto absurdo, mas já ouvi de líderes de denominação que não queria que a igreja crescesse muito, pois com o crescimento surgem muitos problemas. Precisamos pensar com a “mente” de Deus, salvar o mundo!
Seria como dizer “Senhor chega de salvar pessoas e enviá-las para nossa denominação, já temos trabalho demais”, se os apóstolos de Jesus tivessem esse pensamento a igreja não teria se expandido pelo mundo. Apenas para exemplo de que é possível apascentar uma grande multidão, Moisés em (Êxodo 18.17-27) ouviu o conselho de seu sogro Jetro e compartilhou o cuidado do povo com homens capazes (Êx. 18.25).

Quando somos centralizadores impedimos a igreja de avançar, impedimos pessoas de se desenvolverem como obreiros e obreiras na obra do Senhor.

É preciso vencer o nosso egocentrismo, e reconhecer que na seara de Deus às vezes plantaremos, outras vezes regaremos, mas o crescimento está mãos do Senhor. Não adianta acharmos que somos os “gurus” do crescimento na obra de Deus, Ele faz com quem quer, no tempo que quer e da forma que quer.
Será que o nosso pensamento ou fala arrogante não tem sido um dos motivos, ou o motivo pelo qual Deus não tem dado o crescimento em nossa denominação como almejamos?

1 Coríntios 3
06 Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento. 07 Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento. (Bíblia utilizada: ACRF)

Por que somos centralizadores ?
Seria por medo de perder o posto ?
Ciúmes dos que podem se destacar acima de nós ?
Por achar que somos “donos” da Igreja de Deus ?

…delegar para melhor servir o povo de Deus

Como esperaremos um crescimento do rebanho se não aprendemos a dividir tarefas, a delegar, a compartilhar o apascentamento das ovelhas. Não conseguiremos dar conta da obra de Deus sozinhos.

A distribuição diária, para as necessidades das viúvas, provavelmente se fundamentava nos fundos arrecadados em (Atos 4.32-35). A sociedade judaica providenciava para as suas viúvas o que lhes era necessário, mediante um método similar a esse, porquanto, no templo, havia um tesouro especificamente utilizado para cuidar dos idosos e das viúvas. O cristianismo primitivo copiou esse sistema e , um pouco mais tarde, parece haver reconhecido a existência de um grupo separado de mulheres, que faziam parte de uma lista de viúvas, sendo que para uma delas participar dessa lista tinha de ser julgada digno disso, por parte de oficiais responsáveis da igreja (1 Tm. 5.9-12).
Fonte: O Novo Testamento Interpretado – versículo por versículo – R.N.Champlin, Ed. Hagnos, p.129.

Para atender as necessidades das viúvas, os apóstolos instituíram os diáconos (At.6.03) varões de boa reputação, cheios do Espírito Santo e sabedoria que ficariam responsáveis pelo cuidado cotidiano, levando os alimentos para as viúvas.
Penso que quando dividimos as tarefas, quando repartimos responsabilidades e cada um faz a sua parte, a igreja é consolidada e Deus continua dando o crescimento.

…saindo da zona de conforto

No capítulo sete de Atos ,Estevão explica a história de Israel, lembrando-os de quando eram uma pequena nação até a o dia em que Deus chama Abraão para sair da sua parentela e à partir dele gera uma grande nação.
Ressalta como José foi odiado e perseguido pelos seus irmãos e como Deus o exaltou no Egito colocando-o sobre eles. Explica como a tarefa de Moisés não foi fácil, liderar um povo que a princípio não acreditava nele como libertador escolhido por Deus.
Lembrou Israel de seus pecados dentre eles a idolatria, falou sobre Josué que levou o povo a entrar na terra prometida, sobre o reinado de Davi que obteve o favor de Deus, sobre a grandiosa construção do templo feito por Salomão, que foi favorecido pelo Senhor.
Estevão finaliza o seu sermão lembrando que Israel sempre perseguiu e matou os seus profetas, que mesmo sendo uma nação favorecida por Deus estavam cometendo um ato terrível, o assassinato do Filho de Deus, Jesus Cristo.
Com esses relatos, declarações e acusações contra os algozes de Jesus, Estevão atrai para si, como igreja, a ira dos perseguidores da igreja. A ousadia de Estevão em falar verdades tão contundentes custaria a sua própria vida.

…seremos odiados e perseguidos

Penso que a igreja precisa sair da mornidão espiritual, deixar o medo de se posicionar como igreja de Cristo falando a verdade, palavra de Deus, mesmo sabendo que por pregarmos a verdade a perseguição virá contra a Igreja do Senhor.

Atos 7
56 E disse: Eis que vejo os céus abertos, e o Filho do homem, que está em pé à mão direita de Deus.
57 Mas eles gritaram com grande voz, taparam os seus ouvidos, e arremeteram unânimes contra ele.
58 E, expulsando-o da cidade, o apedrejavam. E as testemunhas depuseram as suas capas aos pés de um jovem chamado Saulo.
59 E apedrejaram a Estêvão que em invocação dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito.
60 E, pondo-se de joelhos, clamou com grande voz: Senhor, não lhes imputes este pecado. E, tendo dito isto, adormeceu.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

No capítulo oito de Atos o evangelho de Cristo avança e a igreja cresce por toda parte. Foi através de uma grande perseguição que a igreja saiu da zona de conforto cumprindo assim a ordem de Cristo de levar o evangelho até aos confins da terra.
Atos 1.08 Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

A perseguição realizada por Saulo ao mesmo tempo em que assolava a igreja de Cristo, forçava a mesma a ir para outras partes do mundo, e assim a ordem de Cristo avançou. Foi debaixo de prisões e perseguições que a igreja do Senhor foi sendo moldada, amadurecida, tornando-se ousada na pregação do evangelho, gerando frutos segundo Deus lhes concedia que gerasse.

Atos 8
01 E também Saulo consentiu na morte dele. E fez-se naquele dia uma grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos foram dispersos pelas terras da Judéia e de Samaria, exceto os apóstolos.
02 E uns homens piedosos foram enterrar Estêvão, e fizeram sobre ele grande pranto.
03 E Saulo assolava a igreja, entrando pelas casas; e, arrastando homens e mulheres, os encerrava na prisão.
04 Mas os que andavam dispersos iam por toda a parte, anunciando a palavra.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

…a igreja crescia sem acepção de pessoas

Percebe-se que a pregação do evangelho de Jesus chegou a vários lugares alcançando diversas pessoas que, possuíam outras crenças e de diferentes nacionalidades.

Atos 8
05 E, descendo Filipe à cidade de Samaria lhes pregava a Cristo.
06 E as multidões unanimemente prestavam atenção ao que Filipe dizia, porque ouviam e viam os sinais que ele fazia;
07 Pois que os espíritos imundos saíam de muitos que os tinham, clamando em alta voz; e muitos paralíticos e coxos eram curados.
12 Mas, como cressem em Filipe, que lhes pregava acerca do reino de Deus, e do nome de Jesus Cristo, se batizavam, tanto homens como mulheres.
13 E creu até o próprio Simão; e, sendo batizado, ficou de contínuo com Filipe; e, vendo os sinais e as grandes maravilhas que se faziam, estava atônito.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

…a instrução dá saúde ao crescimento

É nossa responsabilidade instruir a todos que o Senhor acrescentar em sua igreja, não podemos seguir com a cultura de somente celebrar os cultos sem nos preocuparmos em discipular os novos na fé, para que não venham ter entendimentos equivocados como Simão teve.

Atos 8
17 Então lhes impuseram as mãos, e receberam o Espírito Santo.
18 E Simão, vendo que pela imposição das mãos dos apóstolos era dado o Espírito Santo, lhes ofereceu dinheiro,
19 Dizendo: Dai-me também a mim esse poder, para que aquele sobre quem eu puser as mãos receba o Espírito Santo.
20 Mas disse-lhe Pedro: O teu dinheiro seja contigo para perdição, pois cuidaste que o dom de Deus se alcança por dinheiro.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

Que nós não limitemos o agir de Deus no que diz respeito ao crescimento da sua Igreja na terra, façamos a nossa parte que é ensinar a palavra do Senhor e o demais Ele fará.
Atos 8.38 E mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e o batizou.
(Bíblia utilizada: Almeida Corrigida e Revisada Fiel)

O Senhor prometeu dar um crescimento a nossa igreja como nunca tivemos, nós cremos e você?

2016 O Ano da Igreja
sendo uma igreja bíblica e relevante

Serviçal da Igreja
Ronildo Queiroz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu